junho 15, 2010

Animais do Circo Portugal estavam sofrendo de Maus Tratos

Em Salvador, a juíza Ana Barbuda determinou, por meio de liminar, a remoção dos animais do circo Portugal. A juíza acatou o pedido do promotor de justiça Heron Gordilho, e de associações protetoras dos animais: a Terra Verde Viva e a Célula-Mãe.
Foram apreendidos elefantes e camelos no local - Reprodução/TV Bahia Os donos do circo foram notificados da decisão judicial, por uma oficial de justiça, que chegou ao local duas horas depois do que estava previsto.
 A demora da chegada da oficial aumentou o clima de tensão entre os ambientalistas e os circenses. Houve discussão, e o filho de um dos  donos do circo, empurrou o presidente da ONG ambientalista Germen, Marcell Moraes.
 “Animais não são artistas, enquanto o público rir os bichos sofrem. Eles são treinados a base do medo , muitas vezes dão choques e chicotada, para não errar na apresentação.” Diz Marcell Moraes, presidente do Germen.
 Os estados do Rio de Janeiro, São Paulo e Pernambuco já proibiram animais em circo, assim como mais de 40 municípios brasileiros, dentre eles Porto Alegre, Florianópolis e Campinas, no interior de SP.
 O Secretario licenciado de Meio ambiente do Estado da Bahia, Juliano Matos, estava presente na ação e saiu em defesa dos ambientalistas.
 “Essa cultura arcaica tem que acabar não podemos permitir esses maus tratos, precisamos de uma lei no nosso estado onde proíba a vinda de circos com animais” Desabafa Juliano Matos.
 Os animais foram levados para o zoológico de Salvador, onde fizeram exames e estão sobre a responsabilidade do estado. Estão lotados no zoológico, dois elefantes e dois camelos, os patos, cachorros, cavalos ainda estão no circo, mas sem se apresentar ao público.
 circo Portugal continua com o espetáculo em Salvador, porém, sem os animais e seguindo o lema dos ambientalistas que “Circo legal, é circo sem animal”
 O advogado de defesa do circo Vivaldo Amaral, já recorreu da decisão e aguarda o parecer dos juízes. “vamos provar que os animais são bem tratados pelo circo”. Concluiu.

Sem comentários: